sábado, 12 de fevereiro de 2011

SP terá piquenique gay no Parque Ibirapuera.

A Praça da Paz, no Parque Ibirapuera, na Zona Sul de São Paulo, deverá se transformar em uma praça de alimentação ao ar livre no próximo sábado (12) durante a realização do “Piquenique pelo Mesmo Amor”, evento voltado para casais e famílias LGBT e heterossexuais. O piquenique está marcado para começar às 15h e tem participação aberta a todos.
Segundo o músico Tomás Floris, um dos organizadores do encontro, este piquenique já é realizado em cidades da Argentina, da Colômbia, do Chile, do Paraguai e dos Estados Unidos. “O que queremos mostrar é que todo casal e toda família têm em comum o mesmo amor e que todos merecem os mesmos direitos e o mesmo respeito”, diz Floris, que já conta com mais de 150 pessoas confirmadas para o piquenique.
Segundo o organizador, São Paulo será a primeira cidade do Brasil a sediar o evento, que ocorre simultaneamente nos outros países. A data é escolhida em comemoração ao “Valentine's Day”, o equivalente ao Dia dos Namorados em alguns países. Para participar do piquenique, a sugestão dos organizadores é caprichar na toalha xadrez, não se esquecer das comidas e bebidas e garantir a diversão das crianças com brinquedos e dos adultos com jogos e instrumentos musicais.
EM BOM CONSELHO O PEQUENIQUE DEVERIA SER AONDE?

AÇÕES DO FETRAF


 A coordenação da Federação dos Trabalhadores da Agricultura Familiar do Estado de Pernambuco - FETRAF – recebeu no último dia 10 de janeiro, em sua sede, o novo secretário executivo da Agricultura Familiar de Pernambuco, Aldo Santos, que tomou posse no dia 24 do corrente mês e ano.
De acordo com o Secretário, a reunião realizou-se a pedido do próprio governador Eduardo Campos e de Ranilson Ramos, secretário de Agricultura e Reforma Agrária do Governo do Estado. O momento foi de apresentação da nova Secretaria e das ações previstas. “A Secretaria Executiva da Agricultura Familiar foi criada para atender de forma específica os agricultores familiares, uma reivindicação dos movimentos sociais, inclusive da FETRAF”, destacou Aldo Santos.
Um dos aspectos abordados pelo Secretário durante a reunião foi a inserção da FETRAF no Fórum Estadual de Agricultura Familiar e Reforma Agrária. Citando que a Fetraf ainda não congrega no Fórum e que é fundamental a sua participação neste espaço.
A Secretaria conta inicialmente com um tímido orçamento de R$ 10 milhões - dos quais alguns projetos já estão em execução -, mas que segundo Santos deverá ser ampliado.
Segundo Aldo Santos, já está em suas mãos as pautas de reivindicações dos movimentos sociais - incluindo-se a pauta da FETRAF - encaminhadas ao Governo do Estado para o setor da Agricultura Familiar. O coordenador geral da FETRAF, João Santos, aproveitou a oportunidade e pontuou algumas reivindicações antigas da FETRAF que ainda não foram atendidas, como a extensão do Terra Pronta e Capacitação para as famílias agricultoras. O Secretário anunciou de antemão que irá solicitar a ampliação do Programa Terra Pronta. Na próxima terça-feira, a Fetraf entregará ao secretário a relação dos assentamentos da reforma agrária e propriedades rurais para serem contemplados com o programa. Ainda em relação à pauta da FETRAF, Aldo Santos enfatizou que é preciso eleger as prioridades para analisar o que é possível ser atendido inicialmente.

“Aldo Santos é um grande parceiro da Agricultura Familiar, atuante e com uma carga de experiências. A Fetraf acredita que a Secretaria servirá como mais um instrumento em prol do desenvolvimento sustentável e solidário às famílias agricultoras”, avaliou Givanildo Ferreira, coordenador de política agrária da Fetraf.
O primeiro encontro foi avaliado como positivo: “Estamos na expectativa que esta nova secretaria veio para ampliar o acesso às políticas públicas para o setor, por estar sendo comandada por uma pessoa comprometida com as causas e movimentos sociais e com o projeto do Governo”, concluiu João Santos, coordenador geral da FETRAF.