sábado, 29 de janeiro de 2011

FESTA ALVIRRUBRA EM BOM CONSELHO

PRESIDENTE DO NÁUTICO BERILO JÚNIOR FALA DA IMPORTÂNCIA SOBRE A CRIAÇÃO DO CONSULADO ALVIRRUBRO NA TERRA DE PAPACAÇA.






MEMBROS DO CONSULADO DO NÁUTICO EM BOM CONSELHO RECEPCIONAM O CRAQUE KUKI.






ESTE BLOGUEIRO TAMBÉM PRESTIGIOU A FESTA ALVIRRUBRA. KUKI, BERILO JÚNIOR, CLÁUDIO ANDRÉ, TOTICA, JUNTOS E MISTURADOS NA SALA DO DONO DA RÁDIO PAPACAÇA, HÉLIO URQUISA.

QUEM PERGUNTA QUER SABER

QUE PONTO TURÍSTICO É O MAIS BONITO DE BOM CONSELHO?

PRAÇA DOM PEDRO II - 10%
ERMIDA DE SANTA TEREZINHA - 26%
CACHOEIRAS DA ZONA RURAL - 42%
IGREJA DA SAGRADA FAMILIA - 21%
NÃO OPINARAM/ NÃO SOUBERAM - 1%

CONTINUE VOTANDO NAS NOSSAS ENQUETES.

Ingresso no Simples Nacional vai até o dia 31.

Termina na próxima segunda-feira (31) o prazo para que os empreendedores interessados ingressem no Simples Nacional (SN). O formulário de solicitação está disponível no site da Receita Federal (www.receita.fazenda.gov.br/simplesnacional). Para participar, no entanto, é necessário que as empresas estejam em dia com a Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz).
Os contribuintes também têm até esta segunda para resolver eventuais pendências tributárias junto ao Fisco, condição fundamental para que o enquadramento seja deferido. Serão considerados irregulares aqueles que tiverem restrição à respectiva situação cadastral; débitos relativos ao ICMS e os omissos na apresentação de arquivos da DAC e do Sintegra.
A condição de cada estabelecimento será averiguada por meio de Certidões Negativas de Débito. “Além disso, a Sefaz também pode utilizar outros mecanismos, como a própria DAC ou Sintegra”, acrescenta o representante do Estado no Comitê Gestor do SN, Jacque Damasceno Júnior, lembrando que as instruções são válidas apenas para os empreendedores que estejam fazendo a opção agora.
Para resolver a situação basta procurar a Fazenda para quitar ou parcelar o imposto devido e verificar inconsistências cadastrais. As empresas que continuarem com pendências terão a opção indeferida e só poderão solicitar novamente a inscrição no próximo ano. Já os regulares que por ventura tenham o pedido negado, terão o direito de recorrer.
Atualmente, Alagoas possui cerca de 25 mil enquadrados no Simples Nacional. De acordo com o representante do Estado no Comitê Gestor, um dos principais benefícios é a mudança da carga tributária, que passa a girar em torno de 1,25 a 3,10% – para os contribuintes do regime tributação normal a taxa é de 17%. Além disso, eles ainda contam com uma redução nas obrigações acessórias.
A sistemática também traz ganhos ao Estado, incentivando o empreendedorismo e facilitando o desenvolvimento econômico e a geração de empregos. O recolhimento de tributos por meio do regime – que engloba oito impostos federais, o ICMS estadual e o ISS municipal – é voltado para estabelecimentos com faturamento de até R$ 1,2 milhão por ano.
MEI – Os Microempreendedores Individuais (MEI) também devem ficar atentos aos prazos. Por meio da resolução do Comitê Gestor nº 81, foi prorrogado para o próximo dia 28 de fevereiro a apresentação da Declaração Anual do Simples Nacional para o Microempreendedor Individual (DASN-SIMEI). O prazo acabava nesta segunda-feira.
O envio do documento deve ser feito por meio do endereço eletrônico da Receita Federal (www.receitafederal.gov.br/simplesnacional/mei) e, segundo Jacque Júnior, é direcionada apenas aos estabelecimentos que já estão enquadrados na categoria. Os que não encaminharem o arquivo estão sujeitos à aplicação de multas e à exclusão do regime.
A resolução publicada pelo Comitê traz também a quantia mensal a ser paga pelo Microempreendedor Individual em 2011: R$ 59,40. Fixo, o valor é referente apenas à contribuição pessoal para a Previdência Social e ainda pode ser acrescido de R$ 1 a título de ICMS, para contribuintes do comércio ou da indústria, ou de R$ 5 a título ISS, para os prestadores de serviços.
Estabelecido pela Lei Complementar nº 128/2008, a nova personalidade jurídica pretende tirar do mundo informal pequenos empresários com faturamento bruto de até R$ 36 mil por ano. Além da dispensa de diversos tributos e da facilidade para conseguir a inscrição estadual, os enquadrados no regime ainda contam com benefícios como cobertura previdenciária, direitos trabalhistas e assessoria gratuita.

Confira a lista com os nomes dos 81 senadores que integram a nova legislatura.

A Secretaria Geral da Mesa do Senado divulgou a lista dos 81 senadores que integrarão a 54ª Legislatura. Destes, 54 foram eleitos ou reeleitos em outubro de 2010 para um mandato de oito anos e tomam posse no dia 1º de fevereiro. Os demais estão ainda cumprindo mandato que se encerra em 2015.
Veja aqui a lista dos 81 senadores que comporão a nova legislatura.